Cachoeiro-ES,

Cidades


Rocha põe em risco 700 famílias em Cachoeiro

Como medida emergencial e com auxílio da Secretaria de Obras, está sendo realizado um trabalho de remoção das pedras

07.12.2017

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cerca de 700 famílias correm risco com a possibilidade de rolamento de pedras de uma pedreira desativada no bairro Zumbi, em Cachoeiro de Itapemirim.

 

A Defesa Civil Municipal diz que as casas foram construídas em local com risco eminente, ou seja, antes mesmo da ocupação, o local já era considerado impróprio para construção de residências.

 

Segundo a Defesa Civil, como medida emergencial e com auxílio da Secretaria de Obras, está sendo realizado um trabalho de remoção das pedras que oferecem maior risco de deslizamento.

 

Um projeto de proteção do topo da encosta está sendo elaborado para evitar que pedras rolem e danifiquem as casas ou ofereçam riscos aos moradores.

 

“A nossa intenção é resolver o mais rápido possível. Mas enquanto isso, continuamos o nosso trabalho de remoção e monitoramento da situação”, afirmou o coordenador executivo da Defesa Civil Municipal, Coronel Inácio Daroz.

 

De acordo com Daroz, os moradores dessas áreas e de outras que sejam consideradas em risco precisam observar constantemente o terreno rochoso. Se houver qualquer movimentação, as pessoas devem deixar as suas residências e se abrigarem em casa de vizinhos ou parentes, além de acionar a Defesa Civil pelos telefones 199 e (28) 98114-3497.

fonte http://www.jornalfato.com.br

 

 

 

 

 

 

Comentários


Atenas Notícias

© 2016 Atenas Notícias. Todos os direitos reservados.

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.