Home Turismo

EMPREENDEDORES DO TURISMO DEFINEM PRIORIDADES E PLANO DE AÇÕES EM IÚNA

Por | 06.05.2015

 

Com o objetivo de traçar metas para desenvolver o turismo em Iúna e região nos próximos meses, a Prefeitura de Iúna, por meio da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo, e em parceria com o Sebrae e o Incaper, reuniu empreendedores do setor na última segunda-feira (04) para criar um plano de ações para o Circuito Serras, Águas e Cafezais.

 

Durante a reunião, realizada no Recanto do Dódi, propriedade localizada na área rural de Irupi e que faz parte do Circuito, os empresários apresentaram as deficiências atuais do setor e junto às entidades parcerias foram definidas as prioridades a serem trabalhadas nas próximas etapas. Adequações das propriedades quanto às questões ambientais, definição de liderança para o grupo e melhorias de acesso aos empreendimentos foram alguns dos itens prioritários.

 

“O grupo definiu o que deve ser feito para alavancar essa atividade no município, e o que entrará no plano de ação, também definindo os responsáveis por cada prioridade, com prazos e metas a serem cumpridas. O desafio é grande, pois isso é uma novidade para essa turma de empreendedores, mas tenho certeza que teremos ótimo resultados”, avaliou o consultor do Sebrae, Arno Wieringa.

 

O proprietário rural Plínio Gomes da Silveira contou que participa de todas as reuniões desde o início da formação do grupo. “Acho muito importante esta metodologia de diagnóstico, pois abre toda a problemática, e após as definições podemos desenvolver as propostas de trabalho e solução”, contou.  

 

O diretor de Turismo, Cristiano Ricarte, comenta que em breve serão oferecidos novos cursos aos empreendedores para alcançarem as metas previstas. “Já diagnosticamos várias demandas de cursos e capacitações. O nosso papel é promover a ligação entre os empreendedores e todos os envolvidos e os incentivarem a participaram e se desenvolverem cada vez mais. Agora, é colocar o plano em prática”, ressaltou.

 

“Acreditamos muito nesse plano de ação, pois é a partir dele que tudo vai começar a acontecer. O meio rural está se transformando, está cada vez mais dinâmico e garantindo uma qualidade de vida para os empreendedores”, avaliou o engenheiro agrônomo do Incaper de Irupi, Túlio Luiz Borges de Lima, que vem acompanhando as reuniões do grupo de turismo.

 

 

Comentários Facebook


Mais Turismo

Conheça os paraísos escondidos em Anchieta

Verão em Itapemirim conta com subidas ao Monte Aghá aos sábados

Prefeitura de Marataízes debate turismo em reunião

Férias: Escolha um destino no ES sem olhar para trás

Alunos de Itapemirim refazem os passos do imperador

Gasto médio do turista no Estado é de R$46,70 por dia

FEIRA DE ARTESANATO É MAIS UM ATRATIVO DA FESTA DE CORPUS CHRISTI, EM CASTELO

Projeto leva estudantes a pontos turísticos de Cachoeiro

EMPREENDEDORES DO TURISMO DEFINEM PRIORIDADES E PLANO DE AÇÕES EM IÚNA

Feriado movimenta turismo capixaba e mercado doméstico de viagens

Marataízes realiza ?1º Encontro de Projetos Turísticos?

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web