Caiu 36% o número de mortes de crianças no trânsito em dez anos

Por | 16.11.2015

O Brasil reduziu em 36% o número de mortes de crianças de 0 a 10 anos no trânsito entre 2003 e 2013, segundo levantamento divulgado hoje (16) pelo Ministério da Saúde. Em 2003, foram 1.621 mortes e, dez anos depois, o número caiu para 1.054. Os dados de 2013 são os mais recentes disponíveis.

 

“Cerca de 560 crianças foram salvas, tanto as ocupantes de veículos motorizados, quanto as que se deslocam a pé ou de bicicleta”, informou o ministério.

 

As informações foram divulgadas devido a campanha mundial Save Kids Lives, que quer chamar atenção de autoridades para assumir compromissos e adotar medidas pela redução das mortes no trânsito. Hoje, 500 crianças de escolas do Distrito Federal fizeram uma mobilização na frente do Congresso Nacional, em Brasília, como parte da campanha.

 

O ministério destacou como um dos principais motivos para a redução, a lei da cadeirinha, de 2010. Crianças com menos de 10 anos de idade devem ser transportadas nos bancos traseiros. Para o transporte de crianças com até um ano de idade, deve ser usado o bebê conforto. Com mais de um e até quatro anos, deve-se usar a cadeirinha. Já o assento de elevação deve ser usado por crianças entre quatro anos e sete anos e meio de idade.

 

Segundo estimativa da Organização Mundial de Saúde (OMS), 500 crianças morrem diariamente no trânsito em todo o mundo.

 

 

Comentários Facebook


Mais Brasil

Pedágio da Via Dutra vai ficar 20% mais barato com nova concessão

Rodovias concedidas terão a mais alta tecnologia, diz ministro

Governo Federal emite alerta para tempestades com risco de inundação e deslizamento em GO, DF, ES, MG e RJ

Bolsonaro: reforma administrativa vai contemplar "números e pessoas"

Ipea: trabalho doméstico é exercido por mulheres mais velhas

INSS: veja calendário de pagamento de aposentadorias e pensões de 2020

As estradas mais bonitas do Brasil

Registros de óbitos aumentam 21% nos últimos dez anos, aponta IBGE

Casamento entre pessoas do mesmo sexo aumenta mais de 60% em 2018

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado de R$ 44 milhões

Arrecadação com loterias aumenta 22,7% em 2019

Mais de três milhões buscam emprego há mais de 2 anos, diz IBGE

Exigência de simulador para obter CNH deixa de valer

Mega-Sena acumula e prêmio pode chegar a R$ 90 milhões

Mais 25 frigoríficos são autorizados a exportar para a China

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web