Home Educação

Sedu Digit@l: mais tecnologia no dia a dia dos estudantes da rede estadual

Por | 15.02.2016

Mais de 250 mil estudantes, das escolas de Ensino Fundamental e Médio da rede estadual do Espírito Santo, iniciaram o ano letivo nesta segunda-feira (15) e muitas novidades estão por vir. A Secretaria de Estado da Educação anunciou a implantação do programa Sedu Digit@l que irá promover diversas ações que serão implantadas, em 2016, reunindo objetos e recursos digitais voltados a apoiar processos de ensino e aprendizagem dentro e fora da sala de aula.

 

O Sedu Digit@l tem como objetivo facilitar o acesso de educadores a materiais educativos de base tecnológica, de forma a enriquecer e dinamizar as práticas pedagógicas. Além disso, ferramentas também irão apoiar os estudantes que querem aprofundar seus estudos e familiares preocupados em acompanhar a educação de seus filhos.

 

Para o secretário de Estado da Educação, Haroldo Rocha “o Sedu Digit@l não implicará em grandes mudanças físicas nas escolas, mas sim introdução de sistemas digitais pedagógicos, que já existem e são sucessos em outros estados, e que serão implantando nas escolas estaduais a partir de maio. O programa será disponibilizado para 100% dos estudantes e professores. Uma Gerência de tecnologia foi criada para instruir quanto ao uso das ferramentas”.

 

Dentre as ações propostas pelo Sedu Digit@l estão: metodologias ativas, plataformas e conteúdos digitas para Reforço Escolar, EJA e Ceeja Digital, Pré-Enem Online, Currículo Interativo (banco de objetos de aprendizagem), Plataforma de Cursos (inglês, libras e outros) e Correção de Fluxo.

 

A proposta é desenvolver cultura/experiência digital integrada ao desenvolvimento e fortalecimento do currículo escolar, por meio de formação e assessoramento, metodologias ativas, estímulo ao engajamento e produção de conhecimento e valorização das produções escolares. “Assim como a Escola Viva, a tecnologia também faz parte das metas do plano nacional e estadual de Educação”.

 

“Utilizar as tecnologias na escola possibilita aos estudantes uma aprendizagem significativa, onde eles aprendem a fazer na prática, experimentando novas possibilidades de aprender no seu ritmo e com as ferramentas certas, adequadas as suas expectativas. São ferramentas já de domínio dos estudantes e incorporadas em seu dia a dia e que precisamos inserir nas escolas da rede estadual essa cultura digital”, explicou Haroldo Rocha.

 

O secretário, Haroldo Rocha, também anunciou melhoria na infraestrutura tecnológica das escolas rede estadual com a implantação de wi-fi em todas as escolas estaduais, laboratórios de informática móveis, renovação do parque tecnológico instalado, aumento e expansão da conexão banda larga nas escolas, manutenção dos equipamentos nas escolas, portal educacional (alunos e professores), e-mail para os estudantes e profissionais da educação e integração dos portais para login único.

 

Para a estudante do terceiro ano Gleyce Kelly, da Escola Estadual Professor Fernando Duarte Rabelo, “será muito positiva a implantação do Pré-Enem digital, pois muitos alunos não têm condição financeira de pagar um cursinho. Acredito que o Wi-Fi também será legal, pois aqueles que têm interesse de aprender vão ter mais uma oportunidade e opção de estudo. Vai ser bom para revisar a matéria no dia das provas e fazer pesquisas”.

 

Aprendizagem Móvel

 

Os estudantes da rede estadual serão estimulados a utilizarem os dispositivos móveis para ler e-books, fazer pesquisas na internet, acessar jogos educativos e conteúdos digitais, participar de grupos de estudo em mídias sociais, fórum de discussões.

 

Eles poderão fazer pesquisas e registrar fotografias, vídeos e anotações. Seus registros são armazenados na Web (blog, fórum) e podem ser acessados inclusive fora da escola. Além disso, poderão apresentar os trabalhos no projetor interativo para os colegas e professor, em forma de seminários. O acesso e debates podem continuar no ambiente virtual (blog ou outro).

 

Reforço Escolar

 

Com conteúdos disponíveis, professores incentivadores e tutores especiais, os estudantes do Ensino Fundamental e Médio farão uso de tecnologias disponíveis nas escolas para reforçar a aprendizagem.

 

A ideia é promover ações de recuperação contínua de aprendizagem, mediante o enriquecimento curricular e o desenvolvimento de competências e habilidades estruturantes nas disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática.

 

Pré-Enem Online

 

No ambiente virtual os estudantes poderão estudar o conteúdo estruturado na matriz curricular prevista para o Enem e fazer simulados com questões baseadas nas últimas provas.

 

Integrado a uma plataforma e visando implantar a metodologia de ensino híbrido, o aluno terá apoio presencial nos polos e aulões temáticos por regional.

 

A ação presencial será desenvolvida em sintonia com a virtual, uma vez que o ambiente virtual será estruturado com ferramentas em diferentes plataformas: site contendo coleção de conteúdos multimídia, aplicativos para dispositivos móveis, ambiente digital personalizado, rede social e outros.

 

Os estudantes poderão fazer uso de plataformas adaptativas, aplicativos celulares e conteúdos digitais.

 

Currículo Interativo

 

Será disponibilizada uma plataforma com objetos digitais de aprendizagem, permitindo ao professor aproveitar o potencial das tecnologias para conferir mais qualidade, criatividade, interatividade e engajamento aos processos de aprendizagem.

 

Os conteúdos serão públicos, para uso online e off-line, e permitirá buscas por: componente curricular, nível de ensino, temas curriculares, temas transversais e tipo de mídias.

 

Formação

 

Uma plataforma de cursos irá proporcionar oportunidades para o desenvolvimento de novas formas de expressão linguística e enriquecimento curricular. Serão ofertados cursos de Inglês, Libras, Programação, Metodologias, entre outros.

 

Serão disponibilizados cursos auto instrucionais, que possuem sistema de gestão para acompanhamento do progresso dos alunos, certificação para os concluintes e será acessível para os profissionais da Educação e estudantes.

 

EJA e CEEJA Digital

 

A proposta da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e do Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (Ceeja) Digital será garantir ao aluno um estudo mais interativo e dinâmico através de recursos midiáticos e interacionais, trazendo mais acesso, mais autonomia e realização de avaliação no tempo do aluno.

 

Para o CEEJA Digital, será criado um sistema de ensino atemporal, utilizando uma metodologia de estudo por módulos/fascículos didáticos, desenvolvendo procedimentos de avaliação pautada do desenvolvimento de competências e habilidades a partir de, no mínimo, uma avaliação formal, ao término dos estudos de cada fascículo. Será ampliado o número de Centros no Estado de quatro para 11, sendo um em cada regional.

 

Programa de Correção de Fluxo

 

Será implementado o Projeto Telecurso, que foi contextualizado para corrigir a defasagem idade-ano de alunos. A Tecnologia Educacional Telecurso possui um kit contendo material audiovisual, em mídia DVD e livros didáticos para os estudantes e guias para os professores.

 

Google Sala de Aula

 

O Google Sala de Aula foi criado para professores e estudantes para facilitar a comunicação da turma, acompanhar o progresso dos alunos e permitir que professores e alunos atinjam resultados melhores juntos.

 

Por meio de uma parceria com a empresa, as escolas terão ambiente virtual para simplificar a criação, a distribuição e a avaliação de trabalhos desenvolvidos pelos alunos.

 

 

Comentários Facebook


Mais Educação

Supercreche do Boa Vista terá primeira bebeteca da rede municipal

Repasse de quase R$ 2 milhões para manutenção e melhorias em escolas municipais

Estudantes podem pedir isenção no Enem a partir de hoje

Justiça autoriza prosseguimento do Processo Seletivo de Presidente Kennedy

Avançam obras de melhorias na escola municipal Anacleto Ramos

Escola de Cachoeiro Liceu Muniz Freire desenvolve atividades com foco no resgate histórico

Mais de mil alunos começam faculdade com bolsa do Governo do Estado

Rede municipal de Cachoeiro ampliou atendimento com 1.726 novas vagas

Supercreche vai gerar 250 novas vagas para crianças da região do Village

Taxa de analfabetismo capixaba é de 5,7%, abaixo da média nacional

Supercreche do Village da Luz será concluída nos próximos meses

Servidora da Sedu retorna à universidade após 30 anos fora da sala de aula

Prefeitura de Cachoeiro garante transporte escolar a crianças do residencial Otílio Roncete

Bolsonaro diz que haverá ações na educação para conter irregularidades

Rede municipal de Cachoeiro é a primeira do ES a adotar metodologia Escola da Escolha

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web