Home Geral

Árvores desabam no leito do Braço Sul do Rio Jucu

Por | 13.02.2018

 

Texto: Roberly Pereira / Foto: Roberly Pereira

Marechal Floriano , 11 Fevereiro 2018

As chuvas que caíram na Região Serrana do Estado, na última semana, acompanhadas de trovões, relâmpagos e rajadas de ventos, deixaram os moradores do Bairro Poço Fundo apreensivos com a queda de árvores no leito do Rio Braço Sul, um dos afluentes da Bacia do Jucu, em Marechal Floriano.

Arvores desabam no leito do Braco Sul do Rio Jucu 3

Moradores da localidade que se divertem nas manhãs dos domingos na pesca com varas de anzóis, às margens do manancial, informaram que pelo menos duas árvores de pequeno e médio porte despencaram na correnteza do manancial.

Arvores desabam no leito do Braco Sul do Rio Jucu 2

“É preciso que elas sejam removidas para que a vazão tenha absoluta correção”, disse a aposentada Lurdes Schneider, que reside na região há mais de duas décadas. “É comum a queda das árvores no meio do rio, afinal elas se encontram bem à margem”, disse.

Jorge Oliveira, que estava na localidade nesta manhã (11), também é a favor da desobstrução do manancial. Além das árvores que caíram na correnteza, segundo ele, ainda há muito capim às margens. “Poderiam aproveitar e realizar todo o serviço nesta semana, já que, conforme as previsões, não deverá chover”, disse.

Uma das riquezas de Marechal Floriano é o verde. A opinião é do visitante André Lima, de Fundão, Norte do Estado, mas para isso, a população tem de colaborar. “Vejam o que necessita, como a retirada das árvores da correnteza e do capim às margens, e transfiram o problema para a municipalidade”.

fonte http://www.montanhascapixabas.com.br

 

 

Comentários Facebook


É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias. Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web