Volta do Consumo

Confiança do consumidor chega ao maior nível em mais de seis anos

Consumidores estão mais otimistas com renda, emprego, inflação e endividamento. Indicador melhorou 13,73% frente a dezembro do ano passado

Por | 20.12.2018

Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília

Diante da melhora da economia e do mercado de trabalho, a confiança do consumidor alcançou o maior nível em mais de seis anos. Segundo a Confederação Nacional da Indústria (CNI), um indicador que mede esse otimismo em pontos subiu 13,73% na comparação entre dezembro de 2018 e igual mês do ano passado. Com esse desempenho, o índice chegou a 114,3 pontos.

Semelhante a um termômetro, quanto maior a pontuação desse indicador, mais otimista está o consumidor. Para chegar ao número final, a CNI faz duas mil entrevistas em 127 municípios. Com esses dados, a confederação cria uma pontuação para a confiança do consumidor em relação a inflação, desemprego, renda pessoal, situação financeira, endividamento e compras de bens de maior valor. Com base em todos esses dados, a pesquisa chega a um número final.

Dos seis subtemas da pesquisa, apenas um apresentou retração frente a dezembro do ano passado, o item compras de bens de maior valor recuou 2,48%. Frente a novembro, ficou estável. Todos os demais itens apresentaram melhora expressiva. A maior foi a que mede a percepção sobre a inflação: houve um aumento de 30,68% nesse indicador frente a dezembro de 2017. A lista de subtemas em alta segue com mercado de trabalho (+27,16%), renda pessoal (+19,21%), situação financeira (+13,55%) e endividamento (+11,30%).

Confiança do consumidor chega ao maior nível em mais de seis anos

Comentários Facebook


Mais Economia

Previsão de crescimento econômico aumenta; estimativa de inflação cai

Cachoeiro de Itapemirim se prepara para a Cachoeiro Stone Fair 2019

Petri comemora gestão responsável que garantiu nota A do Tesouro Nacional à Anchieta

Produtoras de Muqui dão exemplo de protagonismo feminino na cafeicultura capixaba

Apesar de receita maior no 1º semestre, secretário da Fazenda pede cautela

Nossocrédito de Marataízes alcança mais de R$ 600 mil aprovados

Empresários de Marataízes marcam presença na 12ª MEC SHOW

Comércio varejista cresce 0,1% em junho; acumulado no ano é 0,6%

Setor de rochas apresenta demandas urgentes para Bancada Federal do ES

Mesmo com autorregulação, uso do cheque especial continua alto

Espírito Santo sai em vantagem com o Programa Novo Mercado de Gás

Renato Casagrande fala sobre desafios da economia em palestra na Findes

Governo do Estado indica Heber Resende para assumir presidência da ES Gás

Aprovação da reforma é apenas o começo, diz presidente da Findes

Exportadores de rochas do ES debatem transição para nova modalidade de despacho de blocos com Alfândega e Coana

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web