Home Geral

Crédito habitacional da classe média será maior

Segundo o presidente da Caixa, os juros menores estarão garantidos nas operações do programa Minha Casa Minha Vida, q

Por | 08.01.2019

Fonte: Agência Brasil  

Foto: Valter Campanato/Agencia Brasil

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, indicou nesta segunda-feira (7) que deverá reajustar com base no cobrado pelo mercado os juros destinados aos trabalhadores de classe média que optam pelo financiamento habitacional. Porém, os juros mais baixos serão mantidos para quem tem renda inferior.

Segundo o presidente da Caixa, os juros menores estarão garantidos nas operações do programa Minha Casa Minha Vida, que subsidia imóveis para a população de baixa renda. Há quatro faixas de renda no programa que incluem famílias que têm rendimentos que variam de R$ 1.800 a R$ 7.000.

“[O valor dos] juros de Minha Casa Minha Vida é para quem é pobre. Para quem é classe média tem de pagar juros maiores”, disse Guimarães. “A Caixa vai respeitar acima de tudo o mercado: lei da oferta e da demanda.”

O presidente da Caixa argumentou que as mudanças na instituição têm o objetivo de pagar a dívidas, daí o plano de venda de subsidiárias, entre elas a Caixa Seguridade.

 

 

Comentários Facebook


Mais Geral

Seguro-desemprego é reajustado em 3,43%

Mais de 50 serviços de manutenção em 22 bairros de Cachoeiro

Para ter uma arma em casa, o gasto mínimo é de R$ 3,7 mil

Já é Lei: multa para quem abandonar ou maltratar animais

Governador sanciona lei da anistia aos militares estaduais e Orçamento de 2019

Carteira de identidade com hora marcada e sem fila em Cachoeiro

Conheça 5 ações do Senai para o fomento da inovação e da tecnologia

Banho no rio Itapemirim é arriscado, alerta Defesa Civil de Cachoeiro

Conheça as novas regras para posse de arma no país

Agersa apresenta ações de 2018 em audiência pública

Promulgada lei que libera R$ 382,6 mil para a Codesa

Bolsonaro assina decreto que flexibiliza a posse de armas

Cachoeiro terá circuito de turismo rural

STF vai julgar casos polêmicos a partir do próximo mês

Estudo relaciona uso de redes sociais a desordens comportamentais

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.
© Atenas Notícias e Opinião. Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web