Home Geral

"Medo do desemprego cai e brasileiros estão mais confiantes", diz CNI

Segundo a pesquisa divulgada nesta quinta-feira (10), resultado positivo reflete o otimismo e a confiança da população no novo governo

Por | 12.01.2019

Os rumos da economia deixaram os brasileiros mais confiantes e satisfeitos com a vida. Levantamento da Confederação Nacional da Indústria (CNI) mostra que o medo do desemprego caiu 10,7 pontos de setembro a dezembro do ano passado, para 55 pontos, o menor nível da série histórica, iniciada em 1996.

Ao mesmo tempo, o levantamento mostrou que o índice de satisfação com a vida subiu 2,7 pontos no mesmo período, para 68,6 pontos. 

"O resultado positivo reflete o otimismo e a confiança que a maioria da população deposita no novo governo e também a percepção crescente de superação da crise econômica, com perspectiva de aumento do crescimento econômico e queda do desemprego", aponta o relatório.

Segundo o levantamento, o medo do desemprego caiu em todas as regiões brasileiras, com destaque para o Sul, que registrou uma queda de 16,9 pontos no indicador. O receio com a desocupação caiu tanto em famílias de maior renda quanto em famílias com renda de um até cinco salários mínimos.

 

 

Comentários Facebook


Mais Geral

Seguro-desemprego é reajustado em 3,43%

Mais de 50 serviços de manutenção em 22 bairros de Cachoeiro

Para ter uma arma em casa, o gasto mínimo é de R$ 3,7 mil

Já é Lei: multa para quem abandonar ou maltratar animais

Governador sanciona lei da anistia aos militares estaduais e Orçamento de 2019

Carteira de identidade com hora marcada e sem fila em Cachoeiro

Conheça 5 ações do Senai para o fomento da inovação e da tecnologia

Banho no rio Itapemirim é arriscado, alerta Defesa Civil de Cachoeiro

Conheça as novas regras para posse de arma no país

Agersa apresenta ações de 2018 em audiência pública

Promulgada lei que libera R$ 382,6 mil para a Codesa

Bolsonaro assina decreto que flexibiliza a posse de armas

Cachoeiro terá circuito de turismo rural

STF vai julgar casos polêmicos a partir do próximo mês

Estudo relaciona uso de redes sociais a desordens comportamentais

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.
© Atenas Notícias e Opinião. Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web