Home Geral

Em apenas 25% das profissões, mulheres e homens ganham o mesmo salário

Levantamento do site Quero Bolsa avaliou 600 ocupações

Por | 11.03.2019

Agência Brasil  

Foto: Marcello Casal Junior/AB

Entre 600 profissões de diversos níveis de formação, 90 pagam melhor para mulheres. Nesses casos, elas ganham pelo menos 5% a mais que os homens. Essas ocupações se concentram nas áreas de educação e saúde. Já os salários oferecidos aos homens são pelo menos 5% maiores em 357 ocupações. Outras 153 profissões têm diferenças salariais inferiores a 5%, o que, segundo o estudo, pode ser considerada igualdade salarial.

A avaliação foi feita pelo site Quero Bolsa, plataforma online em que estudantes podem obter descontos de instituições de ensino, com base no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) 2018.  

“A finalidade do nosso estudo é trazer para o estudante uma informação mais precisa de quanto a carreira para a qual ele está se preparando paga no mercado”, diz o gerente de relações institucionais do Quero Bolsa, Rui Gonçalves.

A maior diferença em favor das mulheres é na ocupação diretor de instituição educacional pública, que paga, em média, 68,97% a mais para elas. Já aquela que paga mais para os homens é diretor de redação de jornal. A diferença em favor deles chega a 182,58%.

Ensino superior

De acordo com o levantamento, os homens chegam a ganhar, em média, 45% a mais que as mulheres no Brasil. O dado se refere àqueles que têm ensino superior completo. Nesse grupo, em média, os homens ganham R$ 3.756,84 e, as mulheres, R$ 2.592,65, por mês.

Entre aqueles que têm apenas o ensino médio completo, a diferença da média salarial entre homens e mulheres é menor, mas os homens continuam ganhando mais, 10,89%. Nesses postos, os homens ganham, em média, R$ 1.570,89 e as mulheres, R$ 1.416,60.

“Se disponibilizamos isso, a gente acredita que as pessoas passam a ter noção das diferenças salariais entre homens e mulheres e podem tomar uma atitude para combater esse tipo de prática”, argumentou Gonçalves.

Na internet, na página do Quero Bolsa é possível consultar os salários médios de cada profissão por estado.

 

 

Comentários Facebook


Mais Geral

Júri popular de Piúma condena a 38 anos de reclusão homem que matou a ex-companheira

Governo anuncia investimentos, gestão integrada e planos para os rios do Espírito Santo

Pontes de Burarama, São Vicente e Itaoca serão duplicadas e revitalizadas

Cinco ex-governadores do Rio foram presos nos últimos três anos

Esperada há anos, Unidade Frigorífica de Guaçuí começa funcionar

ExpoSul Rural 2019: inscrições abertas para talk show sobre agroindústrias

Governo do Estado destina R$ 51 milhões para os munícípios

Jovens têm menos chance de contratação e mais de serem demitidos

A cada 60 minutos, uma criança ou adolescente morre por arma de fogo

Cachoeiro promoveu primeira audiência pública para revisão do PDM

Falta saneamento básico para 2 bilhões de pessoas no mundo

Justiça de Venda Nova do Imigrante diz que homem que teve celular danificado após contato com a chuva deve receber novo aparelho da empresa

Lava Jato completa cinco anos com 155 pessoas condenadas

Governo do Estado assina convênio para recuperação da orla de Piúma

Estado registra aumento no número de ocupados e tem média superior a nacional

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web