Home Geral

Procon de Cachoeiro faz ação especial no Dia do Consumidor

O órgão atua junto aos consumidores na defesa de seus direitos

Por | 14.03.2019

Nesta sexta-feira (15), Dia Mundial do Consumidor, o Procon de Cachoeiro realizará ação especial na Praça Jerônimo Monteiro, Centro, com distribuição de materiais educativos e atendimentos ao público. 

Das 8h às 13h, quem passar pelo local poderá esclarecer dúvidas sobre compra de produtos, contratação de serviços, Código de Defesa do Consumidor e outras questões ligadas ao consumo. 

O principal objetivo do órgão municipal de defesa é aproveitar a data para chamar atenção para a importância da educação para o consumo.

“O dia a dia do consumidor está a cada vez melhor, porque estão mais informados e os fornecedores estão mais conscientes da sua função no mercado de consumo. Quem desrespeita o consumidor acaba sofrendo reclamações e ações judiciais, o que pode comprometer o lucro, além de gerar sanções e outros procedimentos”, comenta o coordenador do Procon do município, Rogério Athayde.

Ainda segundo o coordenador, o que faz do Código de Defesa do Consumidor uma das leis mais avançadas do mundo é a atuação da sociedade, quando discute, pressiona e exige seus direitos. “Por isso, mais importante que a lei é o movimento de defesa do consumidor”, afirma.

No Brasil, o Código de Defesa do Consumidor foi instituído em 11 de setembro de 1990, com a Lei nº 8.078, mas entrou em vigor apenas em 11 de março de 1991. Sua necessidade nasceu da luta do movimento de defesa do consumidor no país. Foi o que serviu de modelo para a criação dos demais Procons do País.

Como parte das comemorações pela data, o Procon de Cachoeiro também participará do IV Encontro do Ministério Público com os Procons Municipais, em Vitória. 

Alerta

O Procon de Cachoeiro alerta que, assim como em outras datas comemorativas, é preciso ficar atento às promoções que surgem em alusão ao Dia do Consumidor. “Sites de compras e lojas aproveitam essas datas para estimular o consumo dos produtos e serviços, mas o consumidor não deve comprar nada por impulso. Recomendamos cautela e pesquisa de preços, sempre, para evitar transtornos”, salienta.

Atendimentos

Em Cachoeiro, o Procon realiza, em média, 600 atendimentos mensais. No ranking de reclamações registradas pelos consumidores figuram, na ordem, assuntos financeiros (bancos e financeiras), serviços essenciais (água, luz, telefone), produtos (geladeira, fogão, telefone, tv), saúde e habilitação.

 

 

Comentários Facebook


Mais Geral

Júri popular de Piúma condena a 38 anos de reclusão homem que matou a ex-companheira

Governo anuncia investimentos, gestão integrada e planos para os rios do Espírito Santo

Pontes de Burarama, São Vicente e Itaoca serão duplicadas e revitalizadas

Cinco ex-governadores do Rio foram presos nos últimos três anos

Esperada há anos, Unidade Frigorífica de Guaçuí começa funcionar

ExpoSul Rural 2019: inscrições abertas para talk show sobre agroindústrias

Governo do Estado destina R$ 51 milhões para os munícípios

Jovens têm menos chance de contratação e mais de serem demitidos

A cada 60 minutos, uma criança ou adolescente morre por arma de fogo

Cachoeiro promoveu primeira audiência pública para revisão do PDM

Falta saneamento básico para 2 bilhões de pessoas no mundo

Justiça de Venda Nova do Imigrante diz que homem que teve celular danificado após contato com a chuva deve receber novo aparelho da empresa

Lava Jato completa cinco anos com 155 pessoas condenadas

Governo do Estado assina convênio para recuperação da orla de Piúma

Estado registra aumento no número de ocupados e tem média superior a nacional

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web