Home Agronegócio

Abate de suínos fecha 2018 com recorde

O abate cresceu em 19 das 26 unidades da Federação pesquisadas.

Por | 15.03.2019

Agência Brasil  

Cerca de 44,2 milhões de suínos foram abatidos no Brasil no ano passado. O volume é recorde na série histórica da pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), iniciada em 1997. De acordo com os dados divulgados hoje (14), houve crescimento de 3,4% em relação a 2017.

O abate cresceu em 19 das 26 unidades da Federação pesquisadas. Houve aumentos em locais como Mato Grosso do Sul (mais 296,4 mil cabeças), Rio Grande do Sul (mais 194,72 mil) e São Paulo (mais 181,64 mil). Santa Catarina manteve a liderança no abate de suínos em 2018, com 26,2% da participação nacional, seguida pelo Paraná (21%) e o Rio Grande do Sul (18,6%).

O abate de bovinos também fechou 2018 com crescimento (3,4%). No total, foram abatidos 31,9 milhões de animais. Já o abate de frangos teve queda de 2,5% em 2018, a segunda redução consecutiva do indicador.

Ovos

Outro segmento agropecuário com recorde em 2018 foi a produção de ovos, que fechou o ano com 3,6 bilhões de dúzias, um aumento de 8,6% em relação a 2017 e o maior resultado desde o início da pesquisa, em 1987.

A aquisição de leite pelas unidades beneficiadoras do produto (24,45 bilhões de litros) manteve-se relativamente estável, com crescimento de apenas 0,5% em relação a 2017. Já a aquisição de couro por curtumes nacionais cresceu 3% em relação a 2017.

 

 

Comentários Facebook


Mais Agronegócio

Desempenho da Agricultura alavanca crescimento do PIB capixaba

Abate de suínos fecha 2018 com recorde

Castelo recebe equipamentos para auxiliar produtores de café

Cachoeiro quer expandir venda de produtos agroindustriais no ES

Cafés de produtores de Castelo são vendidos por até R$ 6 mil

Tíquete-feira injetou R$ 3,5 milhões na agricultura de Cachoeiro

ExpoSul firma parcerias para realização da terceira edição

Garantia de renda para o cafeicultor é tema de encontro no Ministério da Agricultura

Espírito Santo registra a maior produtividade da história em café arábica e conilon

Cafeicultores querem acordo com UE para expandir mercado

Maior feira brasileira de turismo rural será realizada no Espírito Santo

Milho Imperador: a primeira variedade para produção orgânica do Espírito Santo

Governador sanciona Lei de Produção Agroecológica e Orgânica e entrega veículos

Castanha da Sapucaia é vendida por R$ 80 o quilo no ES

Produtor rural do ES inaugura agroindústria de café com apoio do Senar

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web