Economia

Conheça os dez mandamentos para cortar gastos

A pesquisa da ANBIMA identificou que 94% dos brasileiros tomaram alguma atitude para reduzir gastos do dia a dia.

Por | 26.04.2019

O brasileiro tem conseguido driblar a crise com muito trabalho, criatividade e principalmente, cortando gastos, incluindo itens supérfluos e aqueles não tão necessários assim no dia a dia. Nos últimos tempos a expressão “educação financeira”, tornou-se popular, deixando as pessoas muito mais atentas em relação a gastos pessoais.

Baseando-se em um estudo da ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais), “A trajetória financeira do brasileiro”, elencamos dez itens que certamente ajudarão o leitor a cortar gastos. Vale lembrar que a pesquisa da ANBIMA identificou que 94% dos brasileiros tomaram alguma atitude para reduzir gastos do dia a dia.

DEZ MANDAMENTOS PARA CORTAR GASTOS

1 - Evite produtos de marca, buscando similares com qualidade;

2 - Economize água e luz, lembrando-se sempre de estar atento a detalhes (vazamentos, tempo no chuveiro, luzes acesas sem necessidade etc). No final do mês, isso pode fazer toda a diferença;

3 - Sabe aqueles itens e objetos que só servem para ocupar espaço e que não tem mais utilidade para você?! Coloque-os à venda em redes sociais e sites especializados. Há sempre alguém interessado e, pode render um bom dinheiro;

4 - Compartilhe o seu carro! Monte um grupo de ‘caronas’ e dividam as despesas do transporte entre vocês. Além de trazer uma economia considerável no final do mês, é sempre bom estar em boa companhia;

5 - É prestador de serviços ou trabalha com vendas?! Quando for interessante, troque serviços e/ou mercadorias. Mas, tenha cautela durante a negociação, para não sair – ou deixar o outro – no prejuízo;

6 - Está com pouca grana e quer se divertir?! Procure por apresentações gratuitas... geralmente tem algo interessante acontecendo numa praça, centro cultural, teatro etc. Também vale sair com a namorada e comer aquele saquinho de pipoca por R$ 2,00;

7 - Precisando faxinar a casa?! Ao invés de contratar uma diarista, tire um dia na semana e dê aquela geral na casa. Além de poupar uma grana, você faz uma atividade física;

8 - Planejamento! Antes de comprar qualquer coisa, uma simples bala, que seja; é importante se planejar. Veja se o orçamento não será prejudicado com o possível gasto;

9 - Pesquise, sempre! Aproveite as facilidades do universo online e pesquise antes de adquirir qualquer coisa;

10 - Prefira compras à vista! Com dinheiro na mão, fica mais fácil conseguir descontos.

 

PODER DE COMPRA

Há algumas possibilidades para se juntar dinheiro e consequentemente ter um poder de compra efetivo. Uma dessas possibilidades é a aquisição de consórcio, como explica Vinícius Basile, gerente administrativo do Valor Consórcios.

“O consórcio é um facilitador na hora de juntar de dinheiro, pois, há diversificados tipos de planos, desde consórcios de moto e veículos, a caminhões e imóveis, por exemplo. São muitos os brasileiros que optam pelo consórcio na hora de adquirir um bem, afinal, quando o consorciado é contemplado, seja por sorteio ou lance, ele recebe uma carta de crédito com poder de compra à vista. E, com dinheiro na mão, fica muito mais fácil negociar e conseguir descontos”, afirma o gerente administrativo do Valor Consórcios.

Outras informações mais sobre consórcios podem ser obtidas através do site e das redes sociais da empresa Valor Consórcios, ou pelos seguintes contatos: (22) 3811-0600 / 3824-6060 / 99794-0847 WhatsApp.

 

 

Comentários Facebook


Mais Economia

Cachoeiro de Itapemirim se prepara para a Cachoeiro Stone Fair 2019

Petri comemora gestão responsável que garantiu nota A do Tesouro Nacional à Anchieta

Produtoras de Muqui dão exemplo de protagonismo feminino na cafeicultura capixaba

Apesar de receita maior no 1º semestre, secretário da Fazenda pede cautela

Nossocrédito de Marataízes alcança mais de R$ 600 mil aprovados

Empresários de Marataízes marcam presença na 12ª MEC SHOW

Comércio varejista cresce 0,1% em junho; acumulado no ano é 0,6%

Setor de rochas apresenta demandas urgentes para Bancada Federal do ES

Mesmo com autorregulação, uso do cheque especial continua alto

Espírito Santo sai em vantagem com o Programa Novo Mercado de Gás

Renato Casagrande fala sobre desafios da economia em palestra na Findes

Governo do Estado indica Heber Resende para assumir presidência da ES Gás

Aprovação da reforma é apenas o começo, diz presidente da Findes

Exportadores de rochas do ES debatem transição para nova modalidade de despacho de blocos com Alfândega e Coana

Banestes lança aplicativo para abertura digital de contas

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web