Eleição é sexta-feira

Eleição do Cachoeirense Ausente mobiliza 59 entidades

   Honraria foi criada em 1939 pelo poeta e jornalista Newton Braga

Por | 09.05.2019

A escolha do Cachoeirense Ausente Nº 1 de 2019 terá a participação de representantes de 59 entidades e organizações de Cachoeiro de Itapemirim, de diferentes segmentos. 

A eleição será realizada nesta sexta-feira (10), das 9h às 11h, na Sala Levino Fanzeres, anexa ao Palácio Bernardino Monteiro (sede da prefeitura), no Centro.

Oito candidatos (lista abaixo), inscritos por familiares, amigos e simpatizantes, concorrem ao título. 

As entidades confirmaram, dentro do prazo (3 de maio), sua participação no processo de eleição. Devidamente documentadas e em ativas, as organizações terão direito a um voto cada uma. 

A votação será secreta, de acordo com o Decreto Nº 24.451/2014, que regulamenta a Lei Municipal Nº 6.960/2014, referente à entrega de homenagens e horarias em Cachoeiro. Se acontecer um empate, ganhará o cachoeirense com mais idade.

O candidato escolhido receberá homenagens e o título durantes os festejos do Dia de Cachoeiro, em junho.  

Segundo Luana Fonseca, chefe de Gabinete da Prefeitura de Cachoeiro, o número de candidatos e entidades que se envolveram no processo neste ano é bastante relevante. “Isso mostra o respeito pela história de Cachoeiro e por esta tradição da festa da cidade”, avalia.

Título foi criado por Newton Braga

O título de Cachoeirense Ausente Nº 1 foi criado pelo jornalista, advogado e poeta Newton Braga – irmão do cronista Rubem Braga –, em 1939, como forma de homenagear os conterrâneos que, mesmo morando em outros locais, mantinham forte ligação com a terra natal. 

Em 2018, a honraria foi concedida a José Eduardo Coelho Dias, advogado, professor universitário e palestrante, que reside na cidade de Vila Velha.

Conheça os nomes dos concorrentes, por ordem alfabética:

* Adil de Paula (Zuzuca do Salgueiro), compositor (Rio de Janeiro – RJ);
* Bruno Garschagen, jornalista, advogado, cientista político e tradutor (Brasília – DF);
* Dario Alves, advogado e professor universitário (Sorocaba – SP);
* Marcos Coelho de Azevedo, ortopedista e agropecuarista (Cacoal – RO);
* Marcus Levy, multi-instrumentista, arranjador, cantor e produtor musical (Porto – Portugal);
* Milton Ximenes Lima, advogado e professor (Rio de Janeiro – RJ);
* Neuza Maria Brunoro Costa, nutricionista e professora (Alegre – ES);
* Ronaldo Sathler Rosa, teólogo, filósofo e professor (São Paulo – SP).

 

 

Comentários Facebook


Mais Geral

Apostador do CE ganha prêmio de R$ 34 milhões na Mega-Sena

Unicef: 26% das adolescentes brasileiras casam-se antes dos 18 anos

Papa Francisco pergunta a Mourão: Pelé ou Maradona?

Canonização de Irmã Dulce reconhece trabalho social

Agência de turismo é condenada a indenizar adolescente que teve reserva de hotel cancelada em viagem para a Disney

Como funciona a partilha de bens na união estável?

Lei que torna transporte irregular infração gravíssima entra em vigor

Desembargador Ronaldo Gonçalves de Sousa é eleito presidente do Tribunal de Justiça do Espírito Santo

Medo do desemprego cai e satisfação com a vida aumenta, diz pesquisa

Ipem-ES retira mil brinquedos irregulares do mercado capixaba

Governo decreta ponto facultativo no dia 28 de outubro

Confira as áreas que vão exigir capacitação e qualificação no Espírito Santo

Governo anuncia reajuste salarial para servidores e concursos públicos para ano que vem

Caixa lança aplicativo para apostas com nove modalidades de jogos

Deputada capixaba busca a desburocratização do crédito fundiário

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web