Home Economia

Caixa já renegociou dívida de 125 mil clientes após lançar campanha

A expectativa da Caixa é receber até o final da campanha, que dura 90 dias, R$ 1 bilhão.

Por | 12.06.2019

Agência Brasil  

Mais de 125 mil pessoas renegociaram dívidas com a Caixa Econômica Federal, desde o final de maio, quando o banco público lançou campanha de renegociação. A informação foi divulgada hoje (12), pelo presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

Segundo Guimarães, essas negociações ficaram em torno de R$ 150 milhões. A expectativa da Caixa é receber até o final da campanha, que dura 90 dias, R$ 1 bilhão.

A campanha da Caixa atinge cerca de 3 milhões de clientes que podem regularizar débitos com atraso acima de 360 dias. A renegociação é valida somente para pagamento à vista. Os descontos variam de 40% a 90%, conforme o tipo de crédito contratado e o tempo de atraso. Guimarães disse que, na média, o desconto está em 82,78%.

De acordo com Guimarães, a média dos pagamentos até agora é de R$ 1 mil, mas “a grande maioria” paga de R$ 500 a R$ 600.

Além dessa campanha, na quarta-feira passada (5), a Caixa anunciou a renegociação de crédito imobiliário. Segundo a Caixa, a renegociação beneficia 600 mil famílias devedoras, com potencial de alcance de 2,3 milhões de pessoas. Guimarães informou que já foram feitos pedidos de renegociação referentes a 25 mil imóveis.

 

 

Comentários Facebook


Mais Economia

Empreendedores apostam em microfranquias e têm apoio do Bandes

Caixa já renegociou dívida de 125 mil clientes após lançar campanha

Ministro vem ao ES debater desafios da infraestrutura

Cachoeiro avança mais um passo no processo de desburocratização

Banestes lança modalidade de contratação de empréstimo via aplicativo  

Governo do Espírito Santo lança Programa de Concessões e Parcerias

Governador defende redução da burocracia para estimular a geração de empregos e renda

Oil Group apresenta estudos para instalação de minirrefinaria em Presidente Kennedy

Percentual de famílias brasileiras endividadas cresce no país, diz CNC

Produção de veículos cresce 0,5% em abril, mostra Anfavea

Gasto público ineficiente no Brasil gera perda de US$ 68 bi por ano

Gás para Crescer: mudanças na regulação devem atrair investimentos para o ES

Conheça os dez mandamentos para cortar gastos

Mutirão para declaração anual de MEI começa nesta terça (23)

Novo diretor-presidente do Bandes toma posse e promete ampliar produtos e serviços oferecidos

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web