Deputados contra nota de A Gazeta

Em resposta a jornal, parlamentares rechaçam prejudicar ambiente de negócios do Estado

Presidente Erick Musso destacou que o Legislativo estadual foi importante na aprovação de leis voltadas para atrair investimentos e geração de renda

Por | 08.10.2019

Foto: Tati Beling

Vários deputados estaduais usaram a tribuna da Assembleia Legislativa (Ales) na sessão ordinária desta segunda-feira (7) para repudiar coluna publicada na edição de final de semana do jornal A Gazeta intitulada “Discurso radical põe medo em investidores”. De acordo com o texto, falas recentes dos parlamentares poderiam criar um clima “hostil” para o ambiente de negócios do Estado.

Confiram mais fotos da sessão desta segunda-feira (7)

Os deputados argumentaram que o texto não refletia a real atuação da Casa a favor de empreendimentos no Espírito Santo e que as empresas alvos de reclamações possuíam histórico de serviços ruins para os capixabas, como a Eco 101, Fundação Renova, Vale, Samarco, EDP e outras.

O presidente Erick Musso (Republicanos) destacou que o Legislativo estadual foi importante na aprovação de leis voltadas para atrair investimentos e geração de renda. “Se o governador Casagrande pode levar para a população capixaba R$ 1,5 bilhão do acordo do Parque das Baleias do petróleo agradeça a Assembleia”, disse. Ele ainda citou outras matérias que passaram pela Casa como da Companhia de Gás e de créditos de ICMS.

Musso falou que os parlamentares eram responsáveis e lembrou que a Assembleia foi fundamental para a estabilização política e reconstrução do Estado. “Nós rechaçaremos a qualquer custo e a qualquer preço toda e qualquer carga negativa que tentarem colar em nosso peito porque isso não pegará. (...) Não queiram amordaçar deputados e deputadas porque todos estão aqui porque foram legitimados pelo povo”, afirmou.

Ele ressaltou que Assembleias de outros estados desfrutavam de benefícios que passam longe da Ales. “A Assembleia do Espírito Santo é a mais econômica do Brasil. É a com o menor custo por deputado do País. Tornou-se a primeira digital. Estamos sendo copiados por São Paulo, que não tem ponto biométrico, e nós estamos indo aqui para reconhecimento facial. Nosso sistema é todo digitalizado para dar transparência”, salientou.

Ao final de seu discurso, o presidente frisou que já estava em tramitação da Casa o Orçamento estadual para o ano que vem. “Vamos apreciar daqui a alguns dias um Orçamento de R$ 19 bilhões que atenderá ao Judiciário, ao Ministério Público, ao Tribunal de Contas, à Defensoria e que atenderá aos mais de quatro milhões de irmãos capixabas. Não vamos nos curvar perante meia dúzia de linhas irresponsáveis, para não dizer levianas de ataque a esta Casa”, concluiu.

Também se pronunciaram sobre o fato os deputados Enivaldo dos Anjos (PSD), Euclério Sampaio (sem partido), Capitão Assumção (PSL), Marcelo Santos (PDT), Iriny Lopes (PT), Vandinho Leite e Pastor Marcos Mansur, ambos do PSDB.

 

 

Comentários Facebook


Mais Política

Governador do Rio entra no STF contra uso restrito de recursos dos royalties

Prefeito de Castelo escolhe três novos secretários

Joice Hasselmann denuncia “milícia” e “gabinete de ódio” na disseminação de fake news

Câmara aprova pacote anticrime

E na Assembleia, Mesa Diretora eleita para biênio 21-23 renuncia

Diretório Nacional do PSL confirma punição a 18 deputados federais

Rodrigo Chamoun é empossado presidente do TCE-ES para o biênio 2020-2021

Em eleição surpresa, Erick Musso é reeleito presidente para o biênio 2021-2023

Deputados pedem fim de "regalias" da Vale no Espírito Santo

Projeto que reajusta salário de servidores capixabas começa ser analisado na Assembleia Legislativa

Deputados capixabas aprovam reforma da Previdência Estadual

Aliança entre PSL e o novo partido de Bolsonaro para apoiar Jonas Nogueira em Cachoeiro

Câmara de Cachoeiro aprova projeto para reduzir conta de água

Aliança entre PSL e o novo partido de Bolsonaro para apoiar Jonas Nogueira em Cachoeiro

Prefeito de Castelo ainda não definiu mudanças no primeiro escalão

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação sem autorização.

© Atenas Notícias e Opinião.
Todos os direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web